Programas

Uma empresa sólida com anos de experiência pronta para atender as demandas dos clientes

Análise Ergonômica do Trabalho (AET).

Imbuídos no espírito de promover, difundir e aplicar conhecimentos que contribuam para propiciar conforto, a saúde e a produtividade nos ambientes e postos de trabalho.

  • Demanda apresentada

Identificar, sob a ótica da Ergonomia, no âmbito dos processos produtivos e administrativos das diversas áreas existentes, fatores que possam colocar em risco as condições psicofisiológicas e a saúde do trabalhador, bem como possam comprometer seu conforto, produtividade e segurança.

  • Objetivos

Prestação de serviços para a realização de Análise Ergonômica do Trabalho (AET). Além de mapear, sob a ótica da ergonomia, os pontos críticos que possam causar as condições adversas ao trabalhador, mencionados no item 1 acima, o desenvolvimento do trabalho deverá culminar com recomendações que possibilitem a elaboração de Planos de Ações que possam corrigir/eliminar ou atenuar (Solução de Compromisso) os eventuais fatores que possam colocar em risco as condições psicofisiológicas e a saúde do trabalhador, bem como possam comprometer seu conforto, produtividade e segurança.

Os trabalhos serão realizados em conformidade com os preceitos preconizados na NR-17 – Norma Regulamentadora de Ergonomia.

  • Análise da Demanda

Com o auxílio dos profissionais destacados pela contratada, das Áreas de Segurança e Medicina do Trabalho, deverão ser observados dados relativos às demandas e intrínsecos à organização do trabalho, turnos, horários das jornadas de trabalho, sazonalidade, registros de absenteísmos e de afastamentos no trabalho etc. Certamente a experiência desses profissionais e o conhecimento dos mesmos em relação às atividades e aos setores, bem como aos pontos críticos, serão de grande importância para o bom andamento da AET.

  • Escopo de Fornecimento

O escopo dos serviços compreende a observação sistemática dos trabalhadores em seus respectivos Postos de Trabalho e registro das situações de trabalho, para elaboração de relatório com a AET – Análise Ergonômica do Trabalho.

Para compreender o Trabalho e as atividades, será necessária a realização de entrevistas, no próprio posto de trabalho (nos casos em que isso não seja possível, serão estudadas abordagens específicas, que permitam a realização da AET).

O Relatório deverá apontar as questões que venham a ser suscitadas pela AET, bem como suas respectivas recomendações que possam contribuir com a eventual solução do problema ou no mínimo que possa contribuir com uma eventual solução de compromisso.

À Luz da Análise da Demanda, poderão ser criteriosamente empregados, para as finalidades estabelecidas no propósito desse trabalho, métodos reconhecidos como aqueles preconizados por COUTO, SUE RODGERS, NIOSH, índice de MOORE e GARG, SZNELWAR etc.

  • Fatores Éticos e Deontológicos

Comprometemo-nos, com o cliente, de não divulgar ou de se utilizar, total ou parcialmente, das informações e documentos fornecidos pela empresa ou de estudos ou documentos decorrentes desta proposta para outros fins distintos de seu objetivo, o mesmo aplicando-se às informações sigilosas e estratégicas que eventualmente sejam divulgadas pela empresa durante a realização dos trabalhos.

O Programa de Prevenção de Riscos Ambientais Prevent Safety é gerenciado por uma equipe de profissionais experiente e qualificado, o que garante a qualidade técnica do documento. Tem por objetivo estabelecer medidas de controle no ambiente laboral por meio da antecipação,

PCMSO – Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional. Trata-se de uma legislação federal, especificamente a Norma Regulamentadoras nº 07, emitida pelo Ministério do Trabalho e Emprego no ano de 1994.
O PCMSO tem como objetivo monitorar por anamnese e exames laboratoriais a saúde dos trabalhadores. Identificar precocemente qualquer desvio que possa comprometer a saúde dos trabalhadores.
O objetivo do PPRA é levantar os riscos existentes e propor mecanismos de controle. Os riscos NÃO ELIMINADOS são objeto de controle pelo PCMSO. Portanto, sem o PPRA não existe PCMSO, devendo ambos estarem permanente ativos.

EXAMES COMPLEMENTARES:
São aqueles que auxiliam o médico na elaboração de um diagnóstico.
Feitos de acordo com a definição do médico coordenador do PCMSO do empregador e devem incluir todos os exames complementares mínimos obrigatórios por lei.
Dependendo da função a ser exercida, os exames complementares específicos e sua periodicidade é previamente determinada.

Exemplos:
a) Semestralmente: profissionais expostos a condições insalubres, exemplo trabalho sob ar comprimido;
b) Anualmente: para os trabalhadores expostos a riscos ou situações de trabalho que impliquem no desencadeamento ou agravamento de doença ocupacional (por exemplo, ruído), ou, ainda, para aqueles que sejam portadores de doenças crônicas, e aqueles que são menores de 18 anos e maiores de 45 anos de idade;
c) a cada 2 anos: para os trabalhadores que tenham idade entre  18 anos e 45 anos.

Os exames mais comuns saúde ocupacional: Audiometria; Espirometria; Radiografias; Eletrocardiograma; Eletroencefalograma; Acuidade Visual; Exames Laboratoriais.

Preenchimento do formulário do Perfil Profissiográfico Previdenciário com o histórico-laboral do colaborador, dados administrativos e resultado do monitoramento dos riscos ambientais e/ou exposição a agentes nocivos à saúde.

O Programa de Prevenção de Riscos Ambientais da Prevent Safety é gerenciado por uma equipe de profissionais experientes e qualificados, o que garante a qualidade técnica do documento. Tem por objetivo estabelecer medidas de controle no ambiente laboral por meio da antecipação, reconhecimento e avaliação dos riscos ocupacionais, através de metodologias de ações que garantam a preservação da saúde e integridade dos trabalhadores.